Resenha: O céu está em todo o lugar - Jandy Nelson





"Este é um livro de estreia vibrante, profundamente romântico e imperdível. Lennie Walker, de dezessete anos de idade, gasta seu tempo de forma segura e feliz às sombras de sua irmã mais velha, Bailey. Mas quando Bailey morre abruptamente, Lennie é catapultada para o centro do palco de sua própria vida - e, apesar de sua inexistente história com os meninos, inesperadamente se encontra lutando para equilibrar dois. Toby era o namorado de Bailey, cujos sentimentos de tristeza Lennie também sente. Joe é o garoto novo da cidade, com um sorriso quase mágico. Um garoto a tira da tristeza, o outro se consola com ela. Mas os dois não podem colidir sem que o mundo de Lennie exploda."

Lennie é uma menina de 17 que nunca foi o centro das atenções, deixava os holofotes para a irmã mais velha Bailey, mas quando esta morre Lennie sente que os holofotes passam a focar ela mesma, sua vida muda drasticamente, ela se vê na duvida entre dois garotos, um é o Joe, o novo cara da cidade, romântico, musico , acabou de se mudar de Paris e que traz felicidade a vida de Lennie, o outro é o Toby o antigo namorado da irmã falecida, que não tem nada de muito encantador, mas que se consola com Lennie, além dessa duvida há o fato da misteriosa fuga de sua mãe quando ela ainda era pequena. Uma história sobre superação da tristeza e sobre a inesperada chegada do amor.



Eu amei o livro, sinceramente é uma leitura deliciosa e muito fácil, em um ou dois dias você acaba de ler. Em algumas horas eu me estressei um pouco com a Lennie por causa de alguns de seus atos, mas apesar disso é uma personagem bacana, ela vive escrevendo frases, momentos e coisas que a lembram da morte da irmã e que a ajudam a superar, esses são encontrados em varias paginas do livro.
O melhor personagem do livro na minha opinião é o Joe, muito encantador, o sonho de qualquer menina, carinhoso, lindo e ainda por cima em uma parte do livro ele cria uma musica para Lennie, que coisa mais fofa que essa, ele foi um dos motivos para eu continuar lendo a história, eu queria saber se ela (Lennie) iria fazer a escolha certa, mas esse não foi o único motivo.
“O céu está em todo lugar” foi muito bem escrito, uma história muito emocionante, faz com que o leitor pare para pensar o que aconteceria se fosse você no lugar da Lennie, como seria perder alguém tão próximo e se conseguiria superar, felizmente eu nunca perdi ninguém com quem eu tivesse uma relação forte, mas sei que a dor é horrível e só de imaginar já me da um aperto no coração.
A última coisa que tenho para falar para vocês é leiam o livro, não vão se arrepender, esse com certeza é um dos meus livros favoritos.
"Eu deveria estar de luto, não me apaixonando..."






Nenhum comentário:

Postar um comentário